segunda-feira, outubro 23, 2017

Dias de Decisão - David Icke


"A Agenda que eu estou expondo tem se desdobrado por milhares de anos até o seu ponto atual, perto da conclusão, porque a humanidade entregou sua mente e sua responsabilidade. A Humanidade preferiria fazer o que ela acha ser certo para si mesma no momento do que considerar as futuras conseqüências de seu comportamento para a existência humana. Ignorância é felicidade, nós dizemos, e isso é verdade - mas só durante algum tempo. Pode ser felicidade não saber que um tornado está vindo porque você não tem nenhuma necessidade de preocupar-se ou de tomar providências. Mas enquanto sua cabeça está dentro da areia seu traseiro está no ar, e o tornado ainda está vindo.


Figura 1

Figura 1: O conhecimento está nas Mãos de poucos e o resto é mantido ignorante. A clássica estrutura para manipulação e controle.


Se você erguesse a sua cabeça e o enfrentasse, o desastre poderia ser evitado, mas ignorância e negação sempre asseguram que você terá a força completa e as mais extremas conseqüências, porque o tornado vem quando menos se espera e quando você está menos preparado. Como eu disse, ignorância é felicidade - mas só por algum tempo. Nós criamos nossa própria realidade através dos nossos pensamentos e ações. Para toda ação ou omissão há uma conseqüência. Quando nós entregamos nossas mentes e nossa responsabilidade nós entregamos nossas vidas. Se bastante de nós fizermos isto, nós entregamos o mundo e isso é precisamente o que nós temos feito ao longo da história humana conhecida. É por isto que poucos sempre controlaram as massas. A única diferença hoje é que poucos estão agora manipulando o planeta inteiro por causa da globalização dos negócios, dos bancos e comunicações. A fundação deste controle sempre foi a mesma: mantenha as pessoas em ignorância, medo e em guerra contra elas mesmas. Divida, governe e conquiste mantendo o conhecimento mais importante pra você (veja a Figura 1). E como nós veremos neste site, aqueles que usaram estes métodos para controlar a humanidade por milhares de anos, são membros da mesma força, da mesma tribo de cruzamentos, seguindo uma Agenda de longo prazo que está alcançando agora um ponto principal na sua jornada. O estado global fascista está sobre nós. E ainda, não tem que ser assim. O real poder está nas mãos de muitos, não de poucos. Realmente poder infinito está dentro de todo indivíduo. A razão porque nós somos tão controlados não é que nós não temos o poder para decidir nosso próprio destino, é que nós entregamos este poder a cada minuto de nossas vidas. Quando algo acontece que nós não gostamos, nós procuramos outra pessoa para culpar. Quando há um problema no mundo, nós dizemos "o que é que ELES vão fazer sobre isso". Neste ponto ELES, que secretamente criaram o problema em primeiro lugar, respondem a esta exigência apresentando uma "solução" - mais centralização de poder e erosão de liberdade. Se você quer dar mais poderes para a polícia, agências de segurança e exército, e você quer que o público exija que você faça isso, então assegure que haja mais crime, violência e terrorismo, e então é uma brincadeira de criança alcançar suas metas. Uma vez que as pessoas estão com medo de serem roubadas, assaltadas ou bombardeadas, elas vão exigir que você tome a liberdade delas para as proteger do que foram manipuladas para temer. O atentado à bomba em Oklahoma é um clássico exemplo disso, como eu detalho em... E A Verdade O Libertará. Eu chamo esta técnica de Problema-Reação-Solução. Crie o problema, encoraje a reação "algo precisa ser feito", e então ofereça a solução. Isto é resumido pelo lema Maçônico 'Ordo Ab Chao' - ordem vinda do caos. Crie o caos e então ofereça uma maneira para restabelecer a ordem. Sua ordem.
(...)

Os reptilianos têm tecnologia para mexer com o clima e eles a usam, não há nenhuma dúvida sobre isso. Mas os fenômenos que eu descrevi até aqui são a verdadeira razão para as dramáticas mudanças nos padrões globais do clima, os quais estão ficando mais extremos a cada mês. Nós ainda não vimos nada. Como eu disse, entre grande ridículo público na Inglaterra no começo dos anos 90, mudanças enormes em padrões climáticos serão prováveis neste período, junto com efeitos geológicos a medida em que a Terra se reestrutura e prepara o seu corpo para a mudança, da mesma forma que os humanos estão tendo que fazer. Nós e a Terra estamos sendo desafiados a sincronizar nossa consciência e sua expressão física com as freqüências que estão se acelerando rapidamente e que estão agora inundando o planeta. Os Reptilianos estão buscando desesperadamente esconder estes fatos colocando a culpa pelas mudanças no clima no "efeito estufa" ou "El Nino". Eles sabem que uma vez que as pessoas percebam que algo muito diferente está acontecendo, os dominós cairão e o jogo estará acabado. Foram os Reptilianos que criaram o Movimento New Age para desviar o despertar. O termo New Age é o nome de uma revista Maçônica. Uma escrava mente-controlada do Governo americano, agora recuperada, me confirmou que o movimento New Age foi secretamente lançado por Henry Kissinger e outros, enquanto ela estava sobre o seu controle na década de 70. Sempre que eu faço estas observações, os "New Agers" rejeitam a idéia porque eles dizem que os Reptilianos não iriam querer que as pessoas tivessem uma visão diferente da vida. Não, não em um mundo ideal, mas este não é um mundo ideal para eles porque as mudanças de energia estão acordando as pessoas. Os Reptilianos sabiam que essas mudanças estavam vindo e qual seria o seu efeito. Eles não puderam pular para dentro de uma espaçonave e mexer com o Sol ou ir até o centro da galáxia para desligar essa nova vibração. A única alternativa deles era seqüestrar esse despertar de consciência e conduzi-lo para uma outra religião-de-regras-e-regulamentos, onde ele não seria nenhuma ameaça à Agenda dos Reptilianos. Eles têm feito isso com o Movimento New Age. Há algumas pessoas muito sensatas e conscientes dentro do movimento fazendo um grande trabalho, mas tantos outros estão em negação do que está acontecendo no mundo. Eles estão sendo enganados por outras entidades dimensionais, por transmissões dos Reptilianos nas freqüências psíquicas e por comunicações canalizadas vindas dos níveis mais baixos da quarta dimensão. Eles se sentam ao redor de suas velas ou esperam que um "comando Ashtar" extraterrestre venha e os arrebatem para fora do planeta em uma espaçonave. Ashtar é uma mistura, um jogo de palavras com deidades antigas como Ashteroth e Ishtar, outro nome para a Rainha Semiramis. Muitos da mentalidade New Age nem mesmo falarão sobre a manipulação dos Reptilianos porque "é negativo". Sim é, e ficará desse jeito até nós tomarmos conhecimento e mudarmos isto. Correr ou ficar pairando perto do teto não fará diferença. A maior parte do movimento New Age não busca espiritualidade como mudança, mas espiritualidade como escapismo. Ele está suprimindo e desviando o despertar, não avançando."
(...)

Pois...teorias da conspiração...mas que las ai las ai...diz a minha sósia...

sábado, outubro 21, 2017

Torias da conspiração, dizem...


TENEBROSO MUNDO ESTE...

Sinto-me de luto, um luto entranhado e inextinguível...como parecia o fogo que bandidos e criminosos deitaram ao meu Pais...Um fogo concertado, nas vésperas da chuva, a fingir que era do calor, ou do furacão que não veio ...
Mais de 500 fogo ateados de noite e em simultâneo - mas o povinho e o povão ainda vai em cantigas e em "manifestações de silencio" contra não sabemos quem, PORQUE NÃO SABEMOS ONDE ESTÃO OS CULPADOS. Eles não tem rosto...
Os políticos, todos se desculpam e todos se acusam e esta desordem colectiva e esta ignorância me deixam em agonia por ver que a cegueira humana empurra as pessoas de um lado para o outro - oh esquerda-direita - sem discernimento, sem consciência nenhuma das causas verdadeiras, nem do motivos, os mais obscuros que estão por detrás deste crime! Reclamam e não sabem, contestem e não percebem, revoltam-se e não identificam o inimigo...uma Nova Ordem mundial que só cria escravos e amos...na programação de um novo feudalismos, e criação de escravos-trabalhadores...destruição de países e de pessoas...
É lenta esta agonia enquanto o Pais mergulha na mais baixa vilania politica e luta de interesses partidários, indiferentes ao drama das pessoas, à Nação ou às pessoas que sofrem na pele, cínicos e hipócritas todos, pousam para a fotografia e as selfies da desgraça, políticos e jornalistas vivem a conta do drama que exploram até ao tutano, vampiros do sangue alheio...e tão poucos, tão raros a saber o que realmente se está a passar diante dos nossos olhos atónitos...como uma guerra invisível, um fim de mundo, este o nosso que conhecíamos e acreditávamos podia um dia ser melhor e mais justo...
rlp

FACTOS

"No Domingo passado, logo pela manhã – ainda não estavam deflagrados os 530 incêndios do dia – já eu assistia a um clamor de “demita-se a Ministra, demita-se o Governo!”. Estava muito longe de Portugal… e, ainda assim, ele chegou-me. Claramente.
Cedo demais. Foram com muita sede ao pote. Foi, talvez, a única descoordenação desse dia: a máquina estava pronta para:
1) deitar fogo ao País;
2) criar uma situação de catástrofe inelutável e inevitável;
3) clamar a queda do Governo em função disso. Mas ter começado o passo 3 antes dos outros dois estarem em pleno andamento traiu as inconfessáveis intenções dos facínoras.
530 incêndios em menos de 12 horas – demos de barato, 24 horas. São mais de 20 incêndios por hora… Não lembra ao Diabo – talvez lembre aos seus seguidores.
530 incêndios… não se trata de uma catástrofe natural, como a erupção de um vulcão ou um tremor de terra, ou algo semelhante: 530 incêndios são fogo posto, com uma precisão cronométrica, com uma rede montada como uma operação militar e com um intenção (evidente no tal clamor que começou cedo demais).
530 incêndios são um puro acto de terrorismo, equivalente à colocação de uma bomba numa estação ferroviária, uma outra num aeroporto, outras em postes de alta tensão… ou algo de semelhante. E assim devem ser tratados. Nem mais, nem menos."

IN ESTATUA DE SAL

O BRANQUEAMENTO DA MULHER



É PRECISO ENCARAR A NOSSA MEDUSA 
- A REVOLTA DAS MULHERES...faz-se pela CONSCIÊNCIA.

O Feminino Sagrado, apesar de tão profanado ao longo dos séculos e agora diria profusamente vulgarizado, apresenta-se como a grande alternativa à consciência de um feminino fracturado, permanentemente dividido e em conflito e quase negação na mulher dos nossos dias.

Porque o que falta à mulher de hoje, a mulher que conquistou um lugar na sociedade e que luta pelos seus direitos e igualdades, e que a permita também lutar pela sua dignidade, pela sua inteireza como mulher,  é a Dimensão Ontológica do seu ser; O que vemos é que apesar de todas essas conquistas e direitos adquiridos (?) nas ultimas décadas, elas não a põem em contacto com a mulher que ela é, a mulher essência, a mulher  autêntica, a mulher ancestral, a mulher eterna, a mulher instintiva, porque ela é apenas uma metade mulher (ora santa ora puta, ora luz ora sombra, ora anjo ora demónio)  que negou uma parte de si através da religião que a amputou de uma parte de si (a instintiva e sexual) e a aprisionou no dogma baseado na ideia do pecado,  dogma que a sentenciou como eterna pecadora e culpada, na mente colectiva e ainda permanece nos nossos dias no apontar do dedo constantemente as mulheres e a depreciação normativa da sua pessoa. E se por um lado a mulher moderna afastou de si essa imagem arcaica, e tentou fugir a esse estigma fê-lo apenas na aparência e na superfície - culturalmente parecia que sim -, mas  esse estigma ficou marcado ou imprimido no inconsciente colectivo (como um chip) e prevalece no pensamento  masculino e manifesta-se sempre que o homem é confrontado com a imagem da mulher que sai dos padrões e do domínio social patriarcal e da sua vontade egoica de homem possuidor e dona da mulher. Isso está bem patente nos crescentes crimes de feminicídio e violações tal como na violência doméstica.
Assim, a mulher intelectual, a mulher que se julgava já liberta de preconceitos religiosos, tanto como a  mulher religiosa, ambas não querem encarar esse lado Sombra da mulher que é sempre dada como  culpada e que afecta todo o seu ser desde menina - toda a a educção da mulher é castradora da sua natureza profunda - porque não quer  lembrar-se de feridas profundas e de coisas ditas atávicas que lhe valeram perseguições e também a grande alienação da sua própria mística, e que contundo persistem.

Desse modo, uma e outra, que a mulher devota como a mulher intelectual  moderna, perderam a dimensão secreta do seu ser interno, a coesão entre o seu ser instintivo e a razão, a ligação da sua alma ao corpo e ao espírito e enquanto ambas não equacionarem o seu ser ao nível dessa totalidade que são, ao nível das energias cósmicas por um lado, o céu, e as energias telúricas, da terra, por outro, e de que ela é a representante privilegiada, ela não conquista verdadeiramente nada para si nem para a Vida na sua real dimensão.
E é por isso que todo o movimento de libertação das mulheres e a sua suposta emancipação está neste momento posto em causa em todo o mundo sob a ameaça inclusive de a mulher perder a sua identidade para as teorias de género que mais uma vez vem branquear e tentar destruir o que resta dessa Mulher Essência - porque a mulher nasce mulher ...e a sociedade marxista e machista lhe quer tirar essa condição...
Porque  é que a sua essência e matriz são sonegada hoje pelos movimentos culturais e ideologia marxista é porque o que ela Mulher É  em si mesma possa  ser uma nova ameaça para os poderes da sombra que querem controlar o Mundo - pois o Poder da Mulher que consiste na revelação do milagre do Amor e da dádiva humana  quer  como Mãe pela Concepção da criança, quer como mulher iniciadora do homem eeles tudo fazem para  que a mulher se perca  completamente na abjecção do sexo pelo sexo e na banalização, na vulgaridade das suas vidas quotidianas sem essa dimensão do Sagrada do Feminino, como parte integrante do SER MULHER como mulher inteira.
Se a mulher não recuperar essa dimensão de si, se ela não entrar de novo em ressonância com o seu verdadeiro feminino, aquele que ficou na fronteira das reivindicações materiais dentro das concepções ideológicas da sociedade capitalista ou positivista marxista, ela nunca atingirá um patamar de verdadeira realização interior e limitar-se-á a viver a parte exterior do seu ser e quase apenas o seu lado masculino…transformada em objecto sexual ou até substituída pelos transsexuais e bonecas de silicone...


Rosa Leonor Pedro
Mulheres & Deusas - republicando
 

"Elle, qui est si belle..."




“La femme est pour moi le symbole d’ ELLE, dont mon Desir evoque en moi la Realite”*

LA LUMIÈRE DU CHIMEN...- Schwaller de Lubicz

A Mulher, o GRAAL: o Repouso do Guerreiro

"Quando o valor e pureza de um cavaleiro andante está acima de qualquer dúvida, a Dama do Lago aparece numa visão e recompensa-o não apenas com uma imagem do Graal, senão com a possibilidade de beber deste. São poucos os autorizados a sorver deste cálice, a mais sagrada das relíquias bretonianas, e somente os cavaleiros de uma pureza sem mácula sobrevivem ao provar das águas benditas do lago. Aqueles que bebem do místico cálice mudam para sempre, vivem muito mais tempo que qualquer outro mortal, e recebem outros estranhos presentes. Desde esse momento, o cavaleiro coloca-se irremediavelmente a serviço da Dama e do Graal, um vínculo que só será rompido com a sua morte. Cada cavaleiro do Graal adquire o dever de proteger os lugares sagrados da Dama."
(...)


*"A mulher é para mim o símbolo D' ELA, e o meu Desejo dela evoca em mim a Realidade."


A NOVA ERA ...



UM MUITO LUCIDO COMENTÁRIO DE UM@ LEITOR@...

"Nos seus aspectos mais benignos a Nova Era não passa de um apelo à fantasia e ao escape, chegando até a ser caricatural. Quando há o devido distanciamento, percebe-se que a Nova Era de nova não tem nada, e que se virmos com atenção é, em muito, semelhante ao Satanismo: Foco no ego/Poder pessoal, manipulação de devas e entidades para realização de todos os desejos e vontades, canalização de entidades sinistras do astral (a que chamam de arcanjos/entidades de outros planetas/etc., e que "empacotam" e vendem de forma dissimulada como sendo benignas, mas que na realidade só criam ilusão, confusão, que são uma porta aberta à vampirização, etc. (E nem é preciso entrar nas questões de apropriação cultural...)

São lições mas, para mim, é algo a evitar."


 (ANONIM@)

sexta-feira, outubro 20, 2017

PARA NÃO ESQUECER...



NÃO, NÃO FOI CULPA DO TEMPO e...não sabemos quem foram os criminosos...?

Nestes dias de inferno e guerrilhas politicas, perante o vasto contraditório opinativo das pessoas em geral e dos comentadores políticos, não ficou claro que fomos vitimas de UM ATAQUE TERRRORISTA SEM PRECEDENTES. O País foi ferido no seu amago, foi atacado e destruído por mão humana e intencionalmente. Há criminosos, não os que pensamos, mas os que actuam e os que encomendam. E nem o Presidente nem os ministros e deputados fizeram questão de o afirmar e fica tudo suspenso de um acaso, de um infortúnio ou de uma culpa...arranja-se uns bodes expiatórias e depois pede-se a sua cabeça, sacrifica-se uma pessoa como na Idade Media. Melhor se for uma mulher... Toda a gente parece ter medo de dizer a verdade, o evidente, o inegável, o anormal desta ocorrência catastrófica para todos...porque os políticos estão todos comprometidos com as Mafias poderosas (ah, as teorias da conspiração!) e os poderes ocultos de quem age por detrás de tudo o que aconteceu em Portugal e Galiza.

RLP


AQUILO QUE PRECISAMOS SABER...


".... o CRIME dos incêndios e a revolta que sinto por assistir à destruição deliberada de Portugal e das suas Gentes, levam-me a voltar às lides.
Com efeito, para além da manipulação climática (microondas e pulverizações destinadas a absorver a humidade - vulgo "chemtrails") e da pulverização de nanopartículas de alumínio altamente inflamáveis s...obre zonas florestais, assiste-se a uma operação de sabotagem em grande escala, com recurso a fortes cargas incendiárias, e não à acção de uns tantos "maluquinhos", convenientemente apanhados e expostos. São os suspeitos do costume.
Por agora, fiquemo-nos pela análise da foto viral, a que chamaram "Adamastor", tirada em Vieira de Leiria, quando o Pinhal de D. Dinis ardia como se tivesse napalm.
Na verdade, o fumo é demasiado negro e espesso para provir da queima de pinheiros e de resina, e aquela chama laranja monstruosa, a elevar-se a mais de 200 metros de altura é certamente fruto de um combustível químico.
Tudo indica que tivessem sido usados bidões de "fogasse", cargas incendiárias à base de gasolina ou de napalm detonadas à distância A foto a preto-e-branco e o esquema são de "fogasse". A outra, com o tanque, é de napalm, da mesma cor da enorme chama.
Por aqui me fico. Tirem as Vossas conclusões e, dada a iniquidade do discurso vácuo e imbecilizante do 1º Ministro, conjugado com a eclosão de mais de 600 (!) incêndios no mesmo dia, tudo aponta para a cobertura, senão mesmo orquestração, deste crime por parte dos desgovernantes e globalistas. As razões são óbvias..."

sem o nome do autor - via facebook

terça-feira, outubro 17, 2017

SALVAR A TERRA...



TODAS AS MULHERES JÁ SOFRERAM NA PELE
O PUNHAL DO PATRIARCADO...

(...)"Acredito que só quem sofreu na pele o punhal do patriarcado pode acordar e começar a perceber como tudo está engrenado. Também sabemos que onde for uma mulher com o feminino no seu máximo expoente que logo será degolada de diversas formas, e essas formas podem ser psíquicas, emocionais, espirituais, mentais etc. Pois, sabemos que existem muitas coisas entre o céu e a terra. Embora ao princípio possa ser fascinante para aqueles que vem, logo começarão a tecer teias, porque isso que foi amordaçado há milénios não pode sair para fora. Os talentos do feminino em percepção são imensos e são de tal forma grandes e poderosos que são uma afronta ao patriacalismo que não pode conter em si esse mesmo germe. Por isso as mulheres tem sido retratadas desde sempre por grandes artistas de todos os tempos, sempre na busca de chegar àquele centro de onde tudo germina."(...)*

...mas denigridas e desprestigiadas pelo patriarcado, e até copiadas e plagiadas pelos companheiros, escultores e pintores ou mesmo escritores ...Outras  usaram pseudónimos para esconder a sua identidade feminna e não serem logo excluídas da cena artística ou social...e terem uma oportunidade de se expressarem e ainda hoje o fazem...
Quase todas essas qualidades da Mulher essencial citadas, esses talentos, foram branqueados e escondidos e bloqueadas nas mulheres que assim se manifestavam o seu potencial...essa mulher em cada mulher  é um potencial atómico perfeito e que dá a absoluta inteireza à mulher, algo que ela não sonha...e todas estas mulheres que andam por ai em círculos (viciosos e viciados) e em politica e nas lutas pelos "direitos e igualdades" nem sonham que as habita...e não percebem esse poder nelas nem dele se aproximam sequer...não ousam buscar esse centro, nem ser a sua própria força...

Só essa MULHER que foi outrora e está esquecida de todos, só ela pode salvar a Terra e o Planeta da força bestial do homem que a anulou...

rlp
*ANA F.





O MAL DO MUNDO


O MAL DO MUNDO ESTÁ EM NÓS...

"Um dos perigos de uma certa leviandade com que se "pensa positivo" é a pessoa não querer ver o avesso disso e alienar-se do facto de que “A natureza humana é capaz de um mal infinito. Hoje, como nunca dantes, é importante que os seres humanos não subestimem o perigo representado pelo mal que espreita dentro deles. Ele é, infelizmente, bastante real, e é por essa razão que a psicologia deve insistir na realidade do mal e deve rejeitar qualquer definição que o considere insignificante ou na verdade inexistente.”

“É trágico ver de forma tão obvia e com tanta frequência como um homem ou uma mulher estraga a sua própria vida e a vida de outros e, ainda assim , permanece totalmente incapaz de ver que toda a tragédia tem origem nele mesmo e como continuadamente a alimenta e a mantém em curso. Não conscientemente, é claro – pois conscientemente ele está apostado em queixar-se de um mundo pérfido do qual se distancia cada vez mais. É sem dúvida um factor inconsciente que tece as ilusões com que ele vela o seu mundo.”

Carl Jung

as mulheres como bodes expiatórios...


A CAÇA AS BRUXAS...

Nos nossos dias, por a cabeça a premio das mulheres politicas...
Nas tragédias humanas tem de haver sempre um "bode expiatório" mas se houver uma mulher por perto ela é sempre a culpada desde Eva...
A incúria é de todos, mas é a mulher que paga...

“A hostilidade contra as mulheres fundava-se na posição dos patriarcas da Igreja, que se baseava, em parte, na história de Adão e Eva no Paraíso " (Génesis1,2).

A hostilidade contra as mulheres continua actual e não são só os patriarcas da Igreja que a fomentam, mas todos os patriarcas e todos os machistas e homens em geral...o medo da mulher e o ódio à mãe, leva-os ao menor sinal de "perigo", atacar as mulheres seja na politica seja na vida social, seja n...a rua...
Essa hostilidade continua bem viva nas mentalidades dos homens comuns e está bem activa no assédio à mulher e na sua desvalorização...
rlp

“A PASSAGEM DO CULTO DA TERRA AO CULTO CELESTE
DESLOCOU A MULHER PARA A ESFERA INFERIOR”...

“É correcta a identificação mitológica entre a mulher e a natureza. O contributo masculino para a procriação é fugaz e momentâneo. A concepção resume-se a um ponto diminuto no tempo, apenas mais um dos nossos fálicos pico de acção, após o qual o macho, tornado inútil, se afasta. A mulher grávida é demoniacamente (diamon), diabolicamente completa. Como entidade ontológica, ela não precis...a de nada nem de ninguém. Eu defendo que a mulher grávida, que vive durante nove meses absorta na sua própria criação, representa o modelo de todo o solipsismo, e que a atribuição do narcisismo às mulheres é outro mito verdadeiro. A aliança masculina e o patriarcado foram os recursos a que o homem teve de deitar a mão a fim de lidar com o que sentia ser o terrível poder da mulher. O corpo feminino é um labirinto no qual o homem se perde. É um jardim murado, o hortus conclusus do pensamento medieval, no qual a natureza exerce a demónica feitiçaria. A mulher é o construtor primordial, o verdadeiro Primeiro Motor. Converte um jacto de matéria expelida na teia expansível de um ser sensível, que flutua unido ao serpentino cordão umbilical, essa trela com que ela prende o homem.”*
(...)
*In Personas Sexuais de Camille Paglia

segunda-feira, outubro 16, 2017

FOGOS...POSTOS...


QUE A MÃE NOS PERDOE TANTA OFENSA A TERRA

"compaixão profunda por tudo o que nos arde - por fora, mas sobretudo por dentro.
pelos nossos infernos pessoais.
pelas chamas da violência que atiçamos e que não somos capazes de apagar.
pelos pensamentos, actos e palavras que nos queimam.
pelo fumo denso que nos cega.
pelas cinzas de todas as nossas construções ilusórias
" *

Inês De Barros Baptista